quarta-feira, 10 de setembro de 2008

CRISTIANISMO E ANARQUISMO



Cristianismo e Anarquismo
(Por Juliano Henrique Delphino)

Um grande equívoco é achar que o anarquismo é anticristão. Ao contrário do que as pessoas pensam, não é uma doutrina filosófica propagadora do caos e da desordem (niilismo). Apesar de inserir nesse termo uma infinidade de vertentes e correntes, pode ser resumida a uma posição libertária, prática e/ou teórica, contra a todo tipo de exploração e domínio do homem pelo próprio homem.

Privilegiando as relações horizontais, rechaça todo tipo de autoridade imposta a qual, inexoravelmente, faz uso da violência para sobrepujar a vontade de uma maioria aos caprichos egoístas de uma minoria dominante. Por isso tem no ideal de abolição do Estado o elemento comum entre todos os seus ramos.

Apesar das correntes anárquicas mais difundidas serem de pensadores socialistas ateus (Proudhon, Kropotkin, Bakunin, Stirnner, Russel e outros), a origem do anarquismo repousa suas bases na fé de comunidades cristãs do período seguinte a Reforma Protestante. Foi o estilo de vida de grupos anabatistas, mennonitas, amishes, quakers e outros grupos cristãos, todos propagadores da não-violência, os quais viam nos ensinos de Jesus (principalmente no Sermão do Monte) e na organização da igreja primitiva o princípio da desnecessidade de dominadores sobre si além de Deus, que influenciou diretamente o pensamento de Willian Godwin (pastor evangélico do século XVIII considerado um dos precursores do anarquismo).

A partir disso foi que o pensamento libertário se desenvolveu. De suas raízes evangélicas procedeu toda a filosofia do movimento anárquico. Henry Thoreau, Léon Tolstoi, Martin Luther King Jr., e outros nomes importantes do anarquismo cristão tiveram grande participação na luta para imposição de limites ao poder do Estado de tributar, na luta pelos direitos civis, na contracultura e na luta por justiça social.

Portanto, ressalvada as devidas proporções e distorções, quando você olhar um anarco-punk, lembre-se que um pouco do que ele é tem a ver com um pouco do que Cristo quer que sejamos!


Juliano Henrique Delphino é guitarrista e vocalista da banda VCD
E também edita um blog de estudos bíblicos

Um comentário:

Gus disse...

HEHEHE... Esse Juliano... Sempre contextualizado... grandes estudos, meu amigo, grandes estudos!

Um abraço
GUS